Edição 2034 – Cinco gerações, o mesmo personagem!!

ntes de começar, eu relato que o título desta edição pode ser contada como uma “edição Fourze”, pois eu consegui formar esta mesma frase do título com quatro kanjis… (Cinco gerações, mesma pessoa = 五・世・同・人 go-sei dō-jin)

– Então já começou errado… O título tem “personagem”, o kanji significa “pessoa”… Pika-pika…
– Ah, Jessie… Você entendeu…

E também quero relatar que todo o conteúdo desta edição se inspirou a partir de uma conversa minha com a Camila Paiva… Pra quem não sabe, é a cosplayer de Soi Fon que conseguiu firmar o namoro dela graças à uma inoportuna interferência akaikkiana… Não lembra dela? Veja aqui

Estes jovens pimpolhos aqui do lado são OS protagonistas dos jogos da série principal de Pokémon (já incluindo o herói de Black/White 2…) Pra cada geração, um herói novo era criado (com uma contraparte feminina a partir de Pokémon Crystal, por isso deixo claro que são OS protagonistas…), trazendo consigo uma penca de não sei quantos novos mil Pokémons e um novo mundo a ser explorado…

Red

Mas olhem para o Red, o primeiro desta fila… Ele não foi apenas o pioneiro nessa arte de sair de casa e correr o mundo para se tornar um Mestre Pokémon: ele deu origem a TUDO o que sabemos sobre Pokémon… Ele virou personagem de um mangá, que já se aproxima do 500º capítulo publicado, e também de um certo anime que já rendeu quase 800 episódios (e contando…) e 16 filmes…

Ethan

Nos jogos, como já disse, cada geração nova criava um novo protagonista… A primeira geração trouxe Red e Leaf, a segunda geração apresentou Ethan e Krys, a terceira geração nos mostrou Brendan e May, a quarta veio com Lucas e Dawn, e a quinta traz Hilbert e Hilda…

Alguns adendos a fazer: Leaf só aparece a partir da Geração 3, Krys foi substituída por Lyra na Geração 4… E esqueçamos, por ora, Nate e Rosa, os protagonistas de Pokémon Black/White 2, vocês vão entender o motivo mais pra frente…

– Tem um Lucas em Pokémon!! É mais um título pro Botafogo…
– Essa “Hilda” é quem eu estou pensando?

Brendan

Nos jogos, cada geração nova meio que “esquece” a anterior… A única que teve o trabalho de mencionar eventos de gerações passadas foi a segunda, que, pra mim, segue sendo a melhor de todas já criadas… Depois de viajar por Johto, o herói de Gold/Silver (e seus remakes) viajam para Kanto para desafiar os líderes de lá e, por fim, o treinador mais fodão de todos os tempos, que chutou o rabo de TODA a Equipe Rocket (mas não consegue se livrar dos Zubats de uma caverna…)

– “Mais fodão”, né… Sei…
– O que foi agora, Jessie?

Não satisfeito, a música ainda te dá o clima de “fudeu de vez”…

– Eu resolvi juntar o seu lado nerd e o meu lado troll pra fazer uma comparação importante: o Red ganhou oito insígnias, o Ethan ganhou 16; o Red derrotou a Equipe Rocket uma vez, o Ethan derrotou três vezes e ainda fez eles encerrarem de vez as atividades; o Red encontrou quatro Pokémons Lendários, o Ethan encontrou nove; o Red derrotou o Blue na Liga Pokémon, o Ethan derrotou o Lance… E o mais importante: o Ethan derrotou o próprio Red… Diz aí, quem é o mais fodão mesmo?
– Ao menos seja original com as suas piadas, você leu isso tudo aqui
– Na verdade, quem não está sendo original aqui é você, porque o roteiro desta edição é todo seu… Eu não escrevi uma linha disso tudo que tá aqui… Pi-ka… ^w^

Lucas

O que eu quero dizer é que cada uma das cinco aventuras iniciadas em cada um dos cinco mundos de Pokémon não estão, de forma alguma, ligadas uma na outra… (com a exceção mencionada agora há pouco, obviamente…) Cada história é uma história… Ponto…

Já é diferente do que ocorre no mangá… Cada história é uma história, mas em algum determinado ponto, o Gold encontra o Red… E estes, por sua vez, são encontrados pelo Ruby… E depois pelo Diamond e pelo Black… E, claro, as devidas contrapartes das protagonistas femininas dos jogos da série principal…

– O Black?!
– Não, o Black

Hilbert

Até o presente momento, o mangá ainda não apresentou o que seria o “Black 2″… Por isso que eu sugeri que ele fosse ignorado lá no começo do texto… Agora, quando vamos falar do personagem ao qual o Red dos jogos deu origem no anime… Bom, é aí que entra o principal motivo de eu estar escrevendo este texto… Quando criaram a contraparte do Red do anime, primeiro foi aquela coisa de todo mundo chamar o Red de Ash… Vejam bem: o Red dos jogos NÃO é o Red do mangá e também NÃO é o Ash!! Dito isso, vamos prosseguir…

Levaram o Ash até a Liga Pokémon, ganhando dos líderes dos ginásios, etc, etc… MAS ELE PERDEU A PORRA DA LIGA!! E aí jogaram ele pras Ilhas Laranja, onde ele ganhou a Liga Laranja, e depois pra Johto, onde ele ganhou de mais líderes de ginásios, participou da Liga Pokémon… E PERDEU DE NOVO!! Aí tá, foi pra Hoenn, conheceu novos líderes, uma nova liga… E PERDEU DE NOVO!! E conheceu a Battle Frontier, onde é induzido ao Hall da Fama ao derrotar os sete líderes, depois vai pra Sinnoh, onde ele ganha dos líderes, vai pra Liga E TOMA DE NOVO NA PORRA DO CU!! Aí vai pra Unova, aquela mesma palhaçada toda… E TUDO INDICA QUE ESTE MERDINHA VAI SE FUDER DE NOVO!! PORRA, ASH!! SEU MERDA!!

Os protagonistas de Pokémon Adventures, note a semelhança com suas contrapartes dos jogos originais…

Eu sempre deixei claro que eu gosto DOS JOGOS de Pokémon, mas não tenho saco nenhum pro anime… A história do anime meio que não evolui: é sempre o Ash, conhecendo mundos novos, etc, etc, etc… Mas a questão é: quanto tempo EXATAMENTE já se passou deste que este corninho saiu de sua casa na Cidade de Pallet? Enquanto a mãe dele, aquela BISCATE, pega o Mr. Mime dela pra… Enfim, melhor nem falar mais nada porque a Dot já tá me olhando aqui com cara de medo…

– Ç_Ç Onii-chan…!!

Mas, falando sério, parece que o tempo anda até o momento em que Ash começa a sua jornada… A partir daí, ele não anda mais… Atente que ele está SEMPRE com 10 anos, o que fez com que se teorizasse que todas as aventuras de Ash não passassem de um sonho de um moleque em coma… Se for considerar que cada episódio acontece em um dia, então já temos mais de dois anos passados, mas ele continua com 10 anos… Se considerarmos o tempo de exibição (desde 1° de abril de 1997…), já temos quase 16 anos passados… Mas ele continua com 10 anos!! PORRA!!

Mas enfim, considerando que haja uma linha de tempo nisso, toda certinha e tal… A PORRA DA HISTÓRIA NÃO EVOLUI!! Pior: cada saga segue sempre uma mesma linha de fatos… Vê se não é assim: “Ash conhece um mundo novo > Ash desafia os líderes de ginásio > Ash é frequentemente atacado pela Equipe Rocket > Ash se inscreve na Liga Pokémon > Ash derrota o rival na Liga > Ash é eliminado por algum treinador desconhecido > Ash conhece um mundo novo… E volta o cão arrependido

Ah, mas e os protagonistas dos outros jogos? Pois bem, NENHUM deles aparece na história, a não ser como cameos NOS FILMES!! E as outras equipes criminosas? A Aqua, Magma e Galactic mal aparecem; a Plasma ia aparecer, mas engavetaram por causa dos terremotos no Japão e acabaram esquecendo… Ou seja: focaram a porra toda no Ash, nos amiguinhos dele e na Equipe Rocket… (Miau, é isso aí…!!)

inteligencia_pokemon

O gráfico acima mostra uma demonstração de como se desenrola a trama entre Ash e a Equipe Rocket… Os “empates” acontecem porque Jessie, James e o tal gato doido que já foi dublado por uma transsex se revelam para poderem “decolar na velocidade da luz”… Senão, perde a graça…

Alguns dos disfarces de “Jaiminha”…

…sem falar nos disfarces do James… A Dot que me desculpe, mas esse cara aí, sei não…

Eu acho que a história do anime de Pokémon ia ficar bacana se, por exemplo: o Ash fizesse a jornada dele, ganhasse a Liga… Aí apareceria outro treinador, fazia a jornada dele, sendo, vez ou outra, tutorado pelo Ash, pra ganhar a Liga… E assim sucessivamente… Nisso, os autores de Digimon 02 acertaram, ao fazer uma história à parte da primeira, mas que ainda transita algumas vezes com elementos desta primeira história, como a presença constante de TK e Kari no grupo principal da história…

Os Digiescolhidos das duas primeiras temporadas de Digimon…

…ou então como foi feito em Solbrain, onde o Winspector se junta a eles num episódio e, depois, o Fire volta como Knight Fire e usando outra armadura, ou como foi feito com todos os Kamen Riders até o Black RX, com a presença dos veteranos, ou mais ainda, até o Stronger, onde aparecia o Tobei Tachibana pra fornecer os equipamentos dos Riders… São histórias independentes, mas com um pequeno link entre eles…

Por favor, alguém tire o Ash do coma…

Comments

comments

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

5 + três =

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.